Agehab participa do Fórum Nacional de Habitação, em Brasília

 

Evento termina nesta quinta-feira (8/12) com anúncio do Prêmio Selo de Mérito. Agehab concorre com projetos de casas a custo zero, Aluguel Social e escrituras do Programa Pra Ter Onde Morar

 

A Agência Goiana de Habitação (Agehab) participa nesta semana, em Brasília, da 69ª edição do Fórum Nacional de Habitação de Interesse Social. O evento está sendo realizado na capital federal com a participação de diversas pastas do País todo relacionadas à habitação, com mesas de diálogos que prometem contribuir para o progresso no desenvolvimento social e econômico. A vice-presidente da Agehab, Eliane Simonini, representa o Governo de Goiás no evento, que acaba nesta quinta-feira (8/12), com o anúncio dos premiados com o Prêmio Selo de Mérito.

 

A Agehab concorre ao troféu com projetos do Programa Pra Ter Onde Morar. Um deles é a modalidade Construção, que já está com quase 6 mil moradias a custo zero em execução em 130 municípios. O programa lançado pelo Governo de Goiás é destinado a famílias com renda até 1 salário mínimo, que não teriam condições de pagar um financiamento imobiliário. As moradias são construídas com recursos do Fundo de Proteção Social do Estado de Goiás (Protege), no leque do Goiás Social, coordenado pelo Gabinete de Políticas Sociais (GPS). A construção é feita em parceria com as prefeituras, que oferecem terreno regularizado e infraestrutura.

 

As famílias recebem as moradias de forma gratuita, sem arcar com nenhum custo de financiamento. Já estão em fase final de construção, com previsão de abertura de editais de seleção nos próximos dias, municípios como Santo Antônio do Descoberto, São João da Paraúna, Vila Propício, Mairipotaba, Buriti de Goiás, Aruanã, Iporá, Moiporá e Ivolândia. Eles fazem parte da primeira fase, com 30 municípios.

 

São 42 cidades na segunda fase, com obras avançadas, e 68 na terceira fase, em fase inicial. O valor investido em cada moradia é de até R$ 127 mil. Para possibilitar a execução deste modelo de empreendimento, inédito no Estado, foi apresentado pela Agehab um novo modelo de contratação das construtoras que executam o programa de habitação nos municípios goianos. Agora, as construtoras interessadas em construir grandes empreendimentos em regiões metropolitanas, que buscam a modalidade Crédito Parceria na Agehab, assumem também a construção de moradias a custo zero no interior do Estado.

 

Aluguel Social e escrituras

Outro projeto da Agehab que concorre ao Selo de Mérito é o Aluguel Social. A nova linha de atendimento da Agehab contra o déficit habitacional tem o objetivo de ajudar famílias superendividadas a arcarem provisoriamente com custos de moradia. A previsão é fechar o ano com 40 mil famílias atendidas com uma ajuda de R$ 350 por 18 meses.

 

A regularização fundiária também concorre ao Prêmio. Mais de 5 mil imóveis construídos em áreas de domínio do Estado foram escriturados nesta gestão. A vice-presidente da Agehab diz que, além do troféu, a Agehab participa do Fórum com o intuito de contribuir com soluções e projetos inéditos no País. “Outros Estados estão procurando a Agência para conhecer e replicar os programas como as casas a custo zero e o Aluguel Social. É a consagração de um trabalho construído com muito esforço e persistência”, diz Eliane Simonini, que nesta quarta-feira também fará uma apresentação dos programas goianos no evento.

 

Crédito das fotos: Octacílio Queiroz

 

Legenda 1: Casa a custo zero em processo de finalização no município de Moiporá

Legenda 2: Famílias atendidas em evento do Aluguel Social: segurança financeira para moradia

 

Agência Goiana de Habitação (Agehab) – Governo de Goiás

 

Governo na palma da mão

Pular para o conteúdo