Mais 34 moradias são entregues em Bonfinópolis pelo Governo de Goiás

 

Governador Ronaldo Caiado comandou a solenidade de entrega destacando a dignidade e a qualidade de vida proporcionadas pela conquista da moradia

Aos 61 anos, a aposentada Rosa Cândida Duarte comemorou muito a conquista da moradia recebida neste sábado (29/2), no residencial Campo Belo, em Bonfinópolis.  Ela estava entre as 34 famílias que receberam as chaves das mãos do governador Ronaldo Caiado.  Rosa morou 15 anos de aluguel,  depois que se separou do marido e acabou sem lugar de morar. Para ela, a vida de aluguel é muito dura, porque é caro, não pode ampliar,  plantar nada, e acaba perdendo tudo. Agora, ela já planeja fazer uma área na entrada da moradia para receber os 3 filhos e 7 netos com conforto.  

O Residencial Campo Belo está sendo construído pela parceria Governo de Goiás, por meio da Agência Goiana de Habitação (Agehab), governo federal/Caixa e prefeitura. No ano passado, foram entregues pelo Governo de Goiás 74 moradias no mesmo residencial. O governador Ronaldo Caiado lembrou que ao todo são 140 moradias. Ele disse que quando retornar a Bonfinópolis para entregar a última etapa, com 32 moradias, quer ver quem terá o jardim mais bonito. "O patrimônio é de vocês. Cuidem bem dele!", alertou. Ronaldo Caiado disse que a política se faz como na medicina. "Não tem espaço para mentira, ilusão e enganação. Temos que ser transparentes. No meu governo a obra só começa com dinheiro empenhado. Não vai ter obra inacabada,  dinheiro gasto por projeto de poder", afirmou. 

O governador também destacou que Bonfinópolis pode ganhar muito com a construção de um distrito industrial, lembrando que já são 112 empresas com contrato de instalação em Goiás. Ao senador Luiz Carlos do Carmo, que estava presente, ele contou da determinação de um grande projeto para levar casas a todos os 246 municípios goianos.  "Conte com nosso apoio para respaldar sua ação. É melhoria da qualidade de vida das pessoas, graças a esse trabalho em conjunto. Nós pegamos o Estado quebrado, endividado, mas não vamos lamuriar. Vamos trabalhar mais!", declarou. Sobre o presidente da Agehab, Eurípedes do Carmo, ele disse que é um homem de pouca fala e muita atitude. "A gente se entende. Já entregamos mais de 2.500 escrituras de lotes no Estado", contou.

O Residencial Campo Belo é destinado a famílias com renda de até três salários mínimos.  Os recursos estaduais, por meio da Agehab, são no valor de R$ 15 mil por unidade. A prefeitura doou a área e o governo federal, por meio da Caixa, concedeu subsídios de até R$ 23.220,00 por moradia. Também foi entregue à comunidade de Bonfinópolis uma sala de velório, no valor de R$ 157,5 mil, construída por meio de parceria da Agehab com a prefeitura, com contrapartida de R$ 80 mil de recursos do Governo de Goiás destinados a equipamentos comunitários. 
O prefeito de Bonfinópolis, Kelton Pinheiro, ressaltou a importância da casa de velório para famílias que não têm condições de pagar a agência funerária e terão um lugar honrado para dar o último adeus aos entes queridos.

Kelton também elogiou a parceria do Governo de Goiás para construção de moradias e citou que somente o lote que a prefeitura está doando custa mais que o financiamento que os beneficiários estão pagando.

A dona de casa Eveny Calixto,  27 anos, e o marido, o trabalhador rural Breno dos Santos,  21, vão se mudar da fazenda do patrão para a casa própria. Eles estão satisfeitos com a localização do residencial Campo Belo, próximo a posto de saúde e escola. Eles já tentaram comprar uma casa antes, mas teriam que pagar R$ 22 mil de entrada e mais de R$ 700 de prestação. "Graças à parceria do Estado, governo federal e município, vamos pagar R$ 362 de financiamento, sem entrada. E a casa é linda, toda na laje, banheiro completo. Tudo que eu sempre quis", revelou Eveny. Quem também está rindo à toa é o casal formado pelo açougueiro Lucas Guimarães Vieira, 22 anos, e a dona de casa Karolayne Peixoto, 19. Eles têm uma filha de 3 anos, Maria Eduarda,  e aguardam a chegada do segundo filho para daqui a três meses. "Agora sai o casamento!", anunciou Lucas.

O presidente Eurípedes do Carmo agradeceu ao governador pela chance de atender a classe mais trabalhadora, que não teria condições de comprar a moradia sem os incentivos do Governo de Goiás.  Estiveram na solenidade de entrega os deputados estaduais Henrique César e Rafael Gouveia, o deputado federal Glaustin da Fokus e prefeitos da região. Após solicitação dos deputados, o governador anunciou que a Agehab vai fazer convênio para a restauração do muro do cemitério de Bonfinópolis, com mão-de-obra da prefeitura.

Governo na palma da mão

Pular para o conteúdo