[caixa_de_pesquisa]

Governo entrega R$ 1,7 milhão em benefícios e anuncia R$ 8,3 milhões em investimentos nesta sexta-feira

O governador do Estado de Goiás, Marconi Perillo, e a presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Goiás (Fapeg), Maria Zaira Turchi, realizam nesta sexta-feira, dia 09 de dezembro, com a presença do presidente do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), Mario Neto Borges, solenidade de entrega de fomentos para pesquisadores com projetos aprovados no Programa de Infraestrutura para Jovens Pesquisadores (Programa Primeiros Projetos – PPP). No total, são cerca de 40 projetos contemplados com investimentos de R$ 1,7 milhão. Na oportunidade, também serão lançadas duas novas chamadas públicas e anunciada uma terceira, com investimentos em pesquisa da ordem de R$ 8,3 milhões. Todos esses programas são desenvolvidos em parceria com o CNPq. A solenidade será realizada no 10º andar do Palácio Pedro Ludovico Teixeira, em Goiânia, a partir das 10h45.

Durante a solenidade, serão lançadas as chamadas públicas no âmbito do Programa de Apoio a Núcleos de Excelência (Pronex) e do Programa de Apoio a Núcleos Emergentes (Pronem). Os recursos destinados ao Pronem somam R$ 4,5 milhões, sendo R$ 1,5 milhão da Fapeg e R$ 3 milhões do CNPq. Serão contemplados 30 projetos com valores de até R$ 150 mil. Já o Pronex beneficiará cinco Núcleos de Excelência com R$ 300 mil cada um. No evento também será anunciado um novo edital do Programa Pesquisa para o SUS: Gestão Compartilhada em Saúde (PPSUS), que é realizado em parceria com o CNPq e o Ministério da Saúde. A chamada pública investirá R$ 2,3 milhões em projetos de pesquisa que promovam a formação e a melhoria da qualidade de atenção à saúde no estado de Goiás no contexto do Sistema Único de Saúde (SUS).

“A presença do professor Mario Neto Borges nesta solenidade confirma a relevância desses programas e da parceria com o CNPq. A entrega destes fomentos e o lançamento dos novos editais representam a continuidade de importantes programas com o CNPq, que têm contribuído fortemente para o avanço das pesquisas em Goiás”, explica a presidente da Fapeg, Zaira Turchi.

Durante o evento, será firmado termo de compromisso por parte do governo, por meio da Fapeg, de fomentar dois Institutos Nacionais de Ciência e Tecnologia (INCTs) sediados em Goiás. O Programa INCTs consolida e forma redes de pesquisa com impacto em áreas estratégicas e na fronteira do conhecimento. “Esse compromisso de apoio do governo aos INCTs é um marco extremamente importante para o estado tendo em vista que estes são os dois primeiros Institutos com a coordenação em Goiás”, destaca Zaira Turchi.

Pronem

Poderão se inscrever no edital Pronem pesquisadores que sejam bolsistas de produtividade do CNPq (PQ ou DT), categoria 2, vinculados a Instituições de Pesquisa e Ensino sediadas no Estado de Goiás que se destaquem nas atividades do projeto submetido. São considerados Núcleos Emergentes grupos de pesquisa, já estabelecido ou em fase de implantação, com linha de pesquisa comum ou complementar, de reputação técnico científica reconhecida e posição de destaque em sua área de conhecimento.

Os núcleos, que devem ter histórico de colaboração, por meio de projetos, publicações e orientações comuns, devem estar organizados para desenvolver projetos de pesquisas científica, tecnológica e de inovação que possam contribuir significativamente para o avanço e a difusão do conhecimento, em área de fronteira da ciência ou da tecnologia.

Pronex

Já as inscrições para o Pronex poderão ser feitas por pesquisadores bolsistas de Produtividade em Pesquisa categoria I do CNPq que se apresentem como líderes de Núcleos de Excelência e que tenham vínculo com instituições científicas e tecnológicas também sediadas em Goiás. São considerados Núcleos de Excelência, grupos organizados de pesquisadores e técnicos de alto nível, em permanente interação, com reconhecida competência e tradição em suas áreas de atuação técnico-científica.

Os Núcleos devem ser capazes de funcionar como fonte geradora e transformadora de conhecimento cientifico-tecnológico para aplicação em programas e projetos de relevância ao desenvolvimento do país. Também deverão ser caracterizados por uma área ou tema de atuação bem definidos, em área de fronteira da ciência ou da tecnologia.

PPP

O Programa tem o objetivo de apoiar a aquisição, a instalação, a modernização e a ampliação ou recuperação da infraestrutura de pesquisa científica e tecnológica das Instituições de Ensino Superior e de Pesquisa do Estado. Visa, também, dar suporte à fixação de jovens pesquisadores e à nucleação de novos grupos de pesquisa, em qualquer área do conhecimento. O valor dos recursos solicitados em cada projeto é de, no máximo, R$ 50 mil.

Todos os editais poderão ser acessados no site da Fapeg: www.fapeg.go.gov.br

 

Assessoria de Comunicação Social da Fapeg.

Governo na palma da mão

Pular para o conteúdo