Workshop em parceria com o Reino Unido debate fontes de energia e conflitos por terra

O Grupo Trabalho, Território e Políticas Públicas (TRAPPU), vinculado ao Instituto de Estudos Socioambientais da Universidade Federal de Goiás (Iesa/UFG), promove nesta semana, entre os dias 24 a 27 de outubro, o IV Workshop – Produção e apropriação de novas fontes energéticas: efeitos, conflitos e alternativas. O evento é fomentado pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Goiás (Fapeg), dentro da parceria estabelecida pelo Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap) com o British Council, no âmbito do Fundo Newton, por meio do edital do programa Researcher Links.

A presidente da Fapeg, Maria Zaira Turchi, esteve presente na solenidade de abertura do evento, realizada na última segunda-feira, dia 24, e ressaltou a importância da interlocução dos pesquisadores das diversas instituições sediadas em Goiás com os pesquisadores do Reino Unido, no sentido de discutir temas tão relevantes para a sociedade. “Essa parceria amplia nossa interlocução internacional e as possibilidades de, em conjunto, encontrarmos caminhos e soluções para questões tão complexas como as ligadas ao tema deste Workshop do Researcher Links“, avalia.

O IV Workshop conta com a participação de uma equipe transdisciplinar formada por pesquisadores renomados do Brasil e do Reino Unido, incluindo instituições como a UFG, a Universidade Estadual de Goiás (UEG), o Instituto Federal Goiano (IF Goiano), a Agrodefesa e a Universidade de Strathclyde, da Escócia. O intuito é socializar as pesquisas que vêm sendo desenvolvidas, problematizando o avanço das fronteiras de produção de energias renováveis (sustentáveis), tais como solar, eólica, hidroenergética, cogeração de energia e pela biomassa da cana de açúcar, com ênfase nos efeitos socioambientais.

O evento pretende, ainda, identificar e fortalecer as alternativas e experiências construídas pela população e pelos diferentes sujeitos – movimentos sociais, associação, cooperativas e comunidades tradicionais – que se consolidam como (Re) Existência, a partir do enfrentamento às formas de apropriação e a construção de modos e vida que possam assegurar empoderamento e condições dignas de existência para populações em situação de vulnerabilidade socioambiental.

O IV Workshop tem coordenação dos pesquisadores Paul Stewart, Brian Garvey e Kendra Briken, da Universidade de Strathclyde Business School/Escócia e dos professores Marcelo Rodrigues Mendonça e Adriano Rodrigues Oliveira da UFG. Mais informações sobre o workshop podem ser acessadas aqui.

Confira a programação:

Fonte: Ascom UFG. com complementos da Ascom Fapeg.

Governo na palma da mão

Pular para o conteúdo